13/08/2018

EntreasLetras – Os filhos de Narciso

  Por Donald Malschitzky*   “Porque Narciso acha feio tudo que não é espelho”.                                            Caetano Veloso   A História não tem lógica. Demorou para chegar à conclusão, mas cheguei. A […]
06/08/2018

EntreasLetras – O efeito da ignorância

  Por Donald Malschitzky*   A obstinação da ignorância sempre me fascinou; pessoas ignorantes têm uma crença em suas verdades que supera qualquer tipo de argumentação lógica e até o valor […]
30/07/2018

EntreasLetras – Rua dos Manacás

  Por Donald Malschitzky*   Este pedaço da rua é curto e termina na Lagoa de Barra Velha. Quando viemos conhecer a casa que nos ofertavam, o susto foi grande: era […]
23/07/2018

Não me comprometa  

Por Donald Malschitzky *   No sábado pela manhã, Cida e eu resolvemos mudar a paisagem de parte de nossa rua: munidos de sacos de lixo, fizemos uma limpeza geral até […]
16/07/2018

EntreasLetras – Ser ou não estar, eis a questão

Por Donald Malschitzky*   Ao rever material para a oficina de crônica que coordenarei hoje e amanhã (16 e 17 de julho) no Festival de Inverno, em Campo Alegre – tomara […]
09/07/2018

E não deu

Por Donald Malschitzky*   É impressão minha ou o chororô foi bem menor desta vez pela não conquista do “Hexa”? Parece que veio antes; só peças publicitárias mais pobres fizeram […]
02/07/2018

Começa tudo de novo

Por Donald Malschitzky* “E quando chegamos lá, quando o distante se tornou o aqui, tudo é o mesmo que antes”. Goethe, em “Os sofrimentos do jovem Wether”   “Dejavu” do […]
25/06/2018

EntreasLetras – Tripulação de um veleiro

Por Donald Malschitzky*    “Um a zero para a Suécia”, avisa a Cida. Brincando, respondo: “Ainda dá tempo para sete a um”. Nada contra a Suécia, muitíssimo pelo contrário, admiro o […]
18/06/2018

EntreasLetras – Vendedor de Bíblias

Por Donald Malschitzky* “O senhor é religioso”?  “Não”. “O senhor vende Bíblias”? “Não”.  “São Bíblias que o senhor segura aí”?  “Não”. Chegou minha vez: “Você já viu uma Bíblia”? “Sim”. “Estes […]
04/06/2018

EntreasLetras – Era bem melhor

Por Donald Malschitzky* Às vezes fico em dúvida sobre a capacidade de interpretação de texto (explico: entender o que está escrito) de muita gente: alguém escreve que creolina não é o […]
28/05/2018

EntreasLetras – Que tal comer com farinha?

Por Donald Malschitzky* Aquela reunião do chefe com alguns funcionários: “Não estou aqui para mostrar os dentes, estou aqui pra trabalhar, portanto, não esperem sorrisos de mim”. No fundo da sala, […]
21/05/2018

O império da ignorância

Por Donald Malschitzky*    “Aconteceu um casamento nas redondezas, todos cantando e falando em alemão; os policiais foram lá, desmontaram tudo e prenderam o noivo. O pai do noivo se insurgiu […]
15/05/2018

Fomos nós, e agora?

Por Donald Malschitzky*   Amigo solta a pérola, como justificativa: “Criamos os lixões e os aterros sanitários e as futuras gerações terão que conviver com isso”. Parece uma constatação, mas […]
07/05/2018

EntreasLetras – Minha pátria é minha língua

  Por Donald Malschitzky*   Amo-te assim, desconhecida e obscura… (Olavo Bilac)                          Optei por usar o primeiro verso da […]
02/05/2018

Quer comprar aipim?

Por Donald Malschitzky*   A bicicleta faz parte de minha vida há muitas décadas, meus joelhos que o digam. Era lazer, aventura e meio de locomoção para compras, escola, banho de […]
23/04/2018

Estou sendo assediado

Por Donald Malschitzky*   Minha mãe deve ter passado açúcar em mim, não há outra explicação; não tenho mais sossego. No café da manhã, no banheiro, dirigindo, pedalando, conversando ou […]
16/04/2018

Atrás da parede

Por Donald Malschitzky* Forram as paredes do térreo e do mezanino, alcançado por escada de madeira. São muitos exemplares de vários formatos, espessuras, cores, idades e estados de conservação. Paredes […]
02/04/2018

688, 146, 158

Por Donald Malschitzky * Não é uma forma usual para  título de crônica. Seria bom se não fossem retrato usual da situação de uma cidade cantada como maravilhosa, a cidade inspiração […]
26/03/2018

Questão de escolha

Por Donald Malschitzky *   Em cima do balcão, uma Bíblia aberta, mostrando claramente que ali moram pessoas religiosas, o que é comprovado após minutos de conversa, embora nada neles cheire […]
19/03/2018

Nem isso, nem aquilo, nem muito pelo contrário

Por Donald Malschitzky *   Devo ter começado a caminhar com um pouco mais de um ano, com sete a andar de bicicleta masculina por baixo do varão – como o […]
14/03/2018

Silêncio das asas

Por Donald Malschitzky * Esperava algo ao menos perto de fantástico, um “hoooo” involuntário, uma palavra sagrada que me abriria todos os portões trancados com os cadeados da ignorância. Quase com […]
07/03/2018

O Dia da Mulher e as burcas da civilização

Por Donald Malschitzky *   Há uma versão que atribui o Dia da Mulher às 130 mulheres que morreram queimadas por causa de um incêndio criminoso em uma fábrica têxtil, motivado […]
02/03/2018

Onde fica a arte após a despedida

Por Donald Malschitzky *   (Para José Fernandes* e Reinaldo Voltolini**) Quando a mão paralisa,  os dedos perdem a força, o caminho se interrompe, quando a pena para, onde se abrigam […]
21/02/2018

Haja…

Por Donald Malschitzky *     Jovem motorista sem qualquer deficiência estaciona seu veículo em cima das faixas amarelas, em frente ao supermercado. O segurança do estabelecimento pede que ele saia […]
18/02/2018

Mais de meio milhão de palavras

Por Donald Malschitzky *   Em fevereiro, completo 17 anos de crônicas semanais no jornal “A Gazeta”, de São Bento do Sul. Esses anos, somados ao tempo nos jornais “Evolução” (onde […]

EntreAsLetras

Donald Malschitzky

Escritor


O escritor Donald Malschitzky nasceu no dia 19 de maio de 1952, em São Bento do Sul (SC). Mora em Barra Velha. É cronista semanal do jornal “A Gazeta”, de São Bento do Sul, desde janeiro de 2001. Escreveu para os jornais “Evolução” (São Bento do Sul), A “Notícia” e “Notícias do Dia”, em Joinville. É membro da Academia de Letras e Artes de São Francisco do Sul e presidente da Associação das Letras. Tem vários livros publicados, entre eles, os de poemas “Grafite”, “Cabeça de Vento” e “Flechas”, além das obras “Pequenas histórias de São Bento” (depoimentos), “Pequenas histórias de São Bento – Volume II”, O bálsamo do labor da cigarra” (crônicas) e participação em coletâneas. A partir de agora, também compartilha suas letras no portal “Fazer Aqui”.