Decadente

Por Rosa Dealtina Silva*

Sobre o cabide,

vermelho,

seu vestido;

no espelho,

seus vestígios;

no quarto,

calafrios…!

O perfume,

sinto no ar…

um dia

irá voltar?!

minhas carícias,

malícias…!

Me visto de dor!

Do rosto,

escorre suor;

as pernas,

os passos

morrem!

Com ela,

foi o meu mundo;

sem ela,

moribundo…

Este vermelho,

espelho…

…olham e sentem,

sem nada dizer!

Coloco à venda,

vestido de renda…

…antes de morrer,

de saudades,

por este ser…!!!

*Rosa Dealtina Silva é formada em pedagogia (administração escolar). Professora das séries iniciais, ensino fundamental e ensino médio. Ama filosofia, leitura, poesia e pintura. Neste espaço, ela vai compartilhar algumas de suas poesias.

** Foto: Pixabay

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *