Diretor de Regulamentação do Banco Central participa de Road Show em Florianópolis

Evento que servirá para troca de experiências e oportunidades ocorre nesta
quinta-feira (6), das 8h30 às 12h30, na sede da Acate, no Centro da Capital.

No norte da ilha de Florianópolis, perto da agitada praia de Canasvieiras, está um dos maiores parques de inovação da América Latina, unindo desenvolvimento tecnológico, socioambiental e serviços especializados. Batizado de Sapiens Parque, o empreendimento foi apelidado de “Vale do Silício da América do Sul”. Atenta a esse cenário de prosperidade e forte inovação, a Associação Nacional das Instituições de Crédito, Financiamento e Investimento (Acrefi) realiza, na quinta-feira (6), das 8h30 às 12h30, seu Road Show Florianópolis na Acate (Associação Catarinense de Tecnologia), na Rua Felipe Schmidt, 835, Centro de Florianópolis.

Presenças confirmadas no Road Show

O evento contará com as presenças de Hilgo Gonçalves, presidente da Acrefi, do diretor de Regulação do Banco Central (BC), Otávio Damaso, do presidente da Acate, Daniel Leipnitz, do superintendente responsável pelo Foresee – B3, Rodrigo Pereira, e do CEO e diretor comercial da Credilink, Mauro Melo. Um dos pilares de sustentação da Acrefi é o incentivo na busca de inovação para melhorar, ainda mais, a experiência dos seus associados no relacionamento com os clientes. O evento com parceria da Acate terá também a apresentação de pitches (ferramenta usada pelos empreendedores para “vender” o projeto da sua empresa para potenciais investidores) de fintechs.

Os diretores regionais da Acrefi-SC, Giorgio Donini, da Santinvest, e Marcos Teixeira da Rosa, da Kredilig, enfatizam a importância do evento como troca de experiências e oportunidades. “Vamos reunir importantes profissionais, temas e debater os caminhos práticos dessas soluções. Inovação no sistema financeiro é palavra–chave para o crescimento do setor, mais que isso, é um grande desafio para os próximos anos”, acrescentam os executivos.

A nova edição da pesquisa divulgada pela entidade – Perspectivas 2018: ‘Expectativa dos Brasileiros com o Cenário Politico & Social’, realizada pela parceria Acrefi/Kantar TNS nos dias logo após o resultado das eleições, constatou que o otimismo dos brasileiros cresceu consideravelmente e atingiu 60% pela primeira vez desde 2015.

Momento do País requer protagonismo

O presidente da Acrefi, Hilgo Gonçalves, alerta que o momento do nosso País requer protagonismo e união em prol do crescimento. “Precisamos ‘dar um passo à frente’. O Crédito com Recursos Livres para Pessoa Física, que já acumula expansão de 4,7% no primeiro semestre, deve alcançar 7% em 2018. Para o próximo ano (2019), projetamos de 9 a 12%”, destacou.

Para Hilgo, um ponto de destaque é o programa de Cidadania Financeira liderado pelo Banco Central. “Os consumidores têm buscado crédito de forma mais consciente contribuindo, dessa forma, para uma redução do endividamento das famílias e estabilidade da inadimplência. Isso impacta em maior oferta do crédito pelas instituições financeiras, dentro de um contexto de maior responsabilidade e educação ao consumo”, afirma. Segundo ele, a pesquisa mostrou ainda outro ponto relevante: “Quando questionados sobre ‘Crescimento do País e Taxa de Juros’, o sentimento de otimismo também acompanhou o levantamento: 66% acreditam no crescimento do País; 52% na redução da taxa de juros”, ilustrou.

Hilgo compartilha dessa visão e prevê crescimento do PIB-2018 já na ordem de 1,4%. “Temos um cenário de juros que deve ficar em torno de 6,5% e a inflação abaixo do teto da meta, em 4,4% (meta é de 4,5%). Acreditamos na parte cheia do copo” e, por isso, projetamos um PIB na ordem de 2,5 a 3% para 2019”, ressalta o presidente, relembrando que: “no longo prazo, acreditamos que a aprovação do Cadastro Positivo, incluída na Agenda BC+ do Banco Central, poderá aumentar consideravelmente a oferta de crédito no mercado. No Chile, onde o Cadastro Positivo foi adotado há anos, o volume de crédito equivale a 100% do PIB. No Brasil, a fatia é de 46% demonstrando que tem potencial para avançar e que, se utilizado de forma consciente, irá favorecer o crescimento sólido do Brasil”, finalizou.

A Acrefi

A Associação Nacional das Instituições de Crédito, Financiamento e Investimento (Acrefi) foi fundada em 1958 com o objetivo de congregar as empresas do setor, defender seus legítimos interesses, fortalecer as relações entre os associados e promover o desenvolvimento de suas atividades. Em todo esse período, a instituição se manteve fiel aos seus objetivos, procurando adaptá-los às constantes mudanças ocorridas no quadro econômico em geral e nas atividades de financiamentos contribuindo, assim, com o crescimento do País.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *