Levantamento aponta queda no valor médio do seguro automotivo no país em 2019

seguro automotivo

O valor do seguro automotivo diminuiu da metade de 2018 para o começo desse ano, em todas as capitais.

De acordo com um levantamento da TEx – insurtech líder em software de gestão e multicálculo para corretoras de seguros -, o valor pago pelos motoristas para fazer um seguro caiu em todas as capitais brasileiras, de junho de 2018 para o começo de 2019, em algumas consideravelmente.

O estudo foi realizado utilizando como base as cotações feitas via TELEPORT, plataforma de gestão e multicálculo da TEx, e levou em consideração mais de 2 milhões de cotações reais feitas nos últimos 60 dias.

O menor valor médio de seguro anual pago no Brasil fica no estado de Santa Catarina: R$ 2.646. No ano passado, era de R$ 2.932. Na Paraíba, o valor é bem parecido: R$ 2.656. Porém, em 2018 era bem maior: R$3.194. Na Região Nordeste, o Rio Grande do Norte também apresenta um valor mais baixo para 2019: R$ 2.965.

O valor médio do seguro mais caro do país pertence ao estado de Roraima – R$ 6.058. O valor ainda sofreu uma considerável queda. Entre junho e julho de 2018 chegou a R$ 8.720. O segundo lugar fica com o Mato Grosso: R$ 4.088 anuais. No ano passado, chegou a R$ 4.985.

No Tocantins, a maior retração: R$ 6.439 nos meses de junho e julho de 2018. Em 2019, o valor diminuiu para R$ 3.740.

Os paulistas em 2019 pagarão menos no seguro que os cariocas. Em São Paulo, o valor médio pago entre os meses de junho e julho de 2018 chegava a R$ 3.273. Já em Janeiro o valor é de R$ 3.037. No Rio de Janeiro o valor caiu de R$ 4.187 para R$ 3.844.

Na capital federal o valor diminuiu de R$3.563 para R$ 3.025.

Impacto

Além de promover insegurança, os roubos e furtos de veículos também refletem no bolso. Os casos impactam diretamente no preço dos seguros. Diversos fatores impactam na formação do preço do seguro de cada estado. Por exemplo, o número de veículos segurados e o perfil dos modelos mais procurados. É fato que os índices de violência, refletem no número de sinistros, tornando-se um dos mais importantes fatores na definição do valor médio do seguro.

Confira as médias de seguro em cada estado, de acordo com a pesquisa:

UF Valor médio do seguro (anual)
AC R$                         3.480,00
AL R$                         3.716,00
AM R$                         3.431,00
AP R$                         3.690,00
BA R$                         3.415,00
CE R$                         3.343,00
DF R$                         3.025,00
ES R$                         3.435,00
GO R$                         3.825,00
MA R$                         3.453,00
MG R$                         3.010,00
MS R$                         3.240,00
MT R$                         4.088,00
PA R$                         3.829,00
PB R$                         2.656,00
PE R$                         3.212,00
PI R$                         3.516,00
PR R$                         3.008,00
RJ R$                         3.844,00
RN R$                         2.965,00
RO R$                         3.566,00
RR R$                         6.058,00
RS R$                         2.931,00
SC R$                         2.646,00
SE R$                         3.143,00
SP R$                         3.037,00
TO R$                         3.740,00

Sobre a TEx 

A TEx desde 2008 oferece o software líder de gestão e multicálculo para corretoras de seguros, o TELEPORT. Seu grande diferencial é estar integrado as 17 principais seguradoras do mercado, permitindo que os corretores de seguros façam as cotações de seus clientes de uma só vez e em tempo real. Assim, eles possuem ganhos expressivos de produtividade e podem usar o tempo livre para fazer um trabalho ainda mais significativo com segurados, oferecendo atendimento exclusivo e personalizado.

Atualmente a empresa tem mais de 500 corretoras como clientes, que somam mais de 10.000 usuários ativos em todo o país. Alguns dos clientes são: AON, Marsh, Willis, Volkswagen, Banco Mercedes-Benz, Honda, Yamaha, Lojacorr, Seguralta, entre outros.

 

www.textecnologia.com.br

(Por Eduardo Vella)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *