Rosa Dealtina

2 de agosto de 2020

Velha canção

Por Rosa Dealtina* Arrebatou meu coração Aquela velha canção Falando de saudades Que corta sem ter fio Que corre sem ser rio…   Saudade é árvore caída […]
25 de julho de 2020

Meu canto

Por Rosa Dealtina* Meu canto não tem voz; tem poesia, alegria…saudade…amizade!   Meu canto tem silêncio; tem pensamentos, voando com o vento!   Meu canto não […]
10 de julho de 2020

Flutuando

Por Rosa Dealtina* Os pés direto no chão, cabelos soltos ao vento; não marco nada, nem o tempo…   Sinto a sensação que voar é meu […]
6 de julho de 2020

Unicamente

Por Rosa Dealtina* Parecia uma pintura! Uma belezura… Elegante… Olhar e sorriso marcantes! Uma escultura! Foi chegando… Eu tremendo… Um calor! Aconchego, chamego… Foi amor! Profundo… […]
5 de julho de 2020

Confuso

Por Rosa Dealtina* Esta chuva fria desfaz minha alegria… O inverno… a cama vazia! Não sei o porquê de você partir!? Não consigo mais sorrir… Não […]
21 de junho de 2020

Solitário

Por Rosa Dealtina* Longe… muito longe… Está o meu querer! Esta ausência, reticências… Não quer resistir! Por que partir? Por que deixou aqui, este ser, sem […]
14 de junho de 2020

Dúvida

Por Rosa Dealtina* Pisei na areia, o mar veio abraçar! Falou de saudades… Velhas amizades… Comecei a chorar! Findava o dia… Deitei na areia, para esperar […]
7 de junho de 2020

Fardo

Por Rosa Dealtina* O retrato na parede da entrada foi o que sobrou de nós! O que sobrou de mim… Vivo sem voz! A casa abandonada… […]
31 de Maio de 2020

Tapera

Por Rosa Dealtina* Aquele casebre já foi belo! Jardim florido… ipês amarelos! Ali gerava alegria! Todos os dias, à tardinha, na hora da Ave Maria, começavam […]
24 de Maio de 2020

Miragem

Por Rosa Dealtina* O Sol de verão fecha a tarde… Ao longe, sua silhueta, maltrata o olhar… A tarde, para quem sonha, é tristonha! Sua presença […]