Travas

Por Rosa Dealtina*

Na frente deste olhar

têm pessoas caminhando,

pessoas rindo,

outras chorando;

algumas pessoas…

rezando!

Vejo pessoas correndo,

sei de pessoas morrendo,

outras!?

Apenas vivendo!

Olho algumas além,

muitas pensando num bem,

que seus olhos

não mais veem…

Enxergo pessoas nas praças,

algumas rindo,

sem ter graça;

pensando…

que tudo passa!

Estou me vendo no meio,

como se fosse um esteio,

cheio de travas e arreio…

Não estou vendo ninguém!?

*Rosa Dealtina Silva é formada em pedagogia (administração escolar).
Professora das séries iniciais, ensino fundamental e ensino médio. Ama
filosofia, leitura, poesia e pintura. Neste espaço, ela compartilha algumas de
suas poesias.

** Foto: Divulgação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *